quinta-feira, 15 de março de 2012



Mar


De todos os cantos do mundo

Amo com um amor mais forte e mais profundo

Aquela praia extasiada e nua,

Onde me uni ao mar, ao vento e à lua.



Sophia de Mello Breyner A.

16 comentários :

Hugo de Macedo disse...

O poema - dos meus preferidos;
A foto - fabulosa. De perder o fôlego.

Tiago Guerreiro disse...

Lindo!!!

Fábio Martins disse...

Achei imensa graça àquelas pequenas nuvens :) bonita foto Rute *

mfc disse...

E com certeza deve ter sido numa praia assim que Sophia compôs este poema!

Que beleza de olhar, Rute.
Beijinhos.

João Menéres disse...

Tudo uma beleza.
Excelente postagem, RUTE !

Um beijo.

Remus disse...

Um céu com bolinhas de algodão, todas em filinha, como a fazer uma imitação do mar.
:-)

Sereno. Tranquilo. Puro.
É assim que vejo este momento.

Lacorrilha disse...

Um dos meus poemas preferidos.
A fotografia, excelente. Assim que cheguei da Alemanha, a primeira coisa que fiz foi ir a uma praia matar saudades do mar.
Beijocas

Sérgio Pontes disse...

Pessoalmente gostei desta foto, um abraço

Rute disse...

Hugo

Muito obrigada:)

1 beijo

Rute disse...

Tiago

:)))

Rute disse...

Fábio

Também gosto daquelas nuvens assim...;)

1 beijo

Rute disse...

mfc

Se calhar foi, Sophia tinha uma imensa paixão pelo mar...e como eu a percebo!

1 beijo

Rute disse...

Muito obrigada, JOÃO

1 beijo:)

Rute disse...

Remus

E acho que viste muito bem :))

1 beijo

Rute disse...

Lacorrilha

Outra apaixonada pelo mar...bem vinda ao clube:))

1 bj

Rute disse...

Muito obrigada, SÉRGIO

1 beijo:)