sábado, 28 de janeiro de 2012



Abrem-se as minhas mãos como asas e transformam-se 


em bando que me eleva inteira  à condição de pássaro 


e então sou livre e acompanho a sombra do meu  voo


porque quero ir só para sentir os limites do meu âmago


para beber do vento de rajada a liberdade mais intensa

e mais voraz de ser somente aquilo que quero ser


liberto o meu espírito dos grilhões do quotidiano


 e num grito mudo deixo-o juntar-se às asas

que antes já foram mãos e corpo e agora se elevam


rasgo os céus sem querer saber dos riscos brancos 


que vou deixando e agora plano ziguezagueando


rabiscando o azul celeste nos sublimes tons da condição 
de pássaro

na serena loucura de me transcender quando eu preciso


 que o meu corpo se transforme em asas...


18 comentários :

João Menéres disse...

Passo para te deixar um beijo.

Rute disse...

João

1 beijo também para si e desejo que passe o bom fim-de-semana:)

* Obrigada pela visita

Remus disse...

Mas afinal o que vem a ser isto?
Um festa de encantamento de bruxaria?
Estão todas possuídas pelo demónio?
:-)

Excelente momento e muito bem captado.

Fábio Martins disse...

O Remus é mesmo engraçado a comentar as fotografias da malta. Aquela imaginação não pára :o)

Gosto do efeito desfocado nesta imagem, trás-nos a sensação de movimento e algum mistério por detrás dessa dança da rapariga.

Agora confessa-nos, é algum ritual para arranjar um namorado? :o)

Beijoca e bom fim-de-semana

mfc disse...

E o corpo transformou-se em asas naquela lindíssima foto, que nasceu do teu poema.

Sandra Rocha disse...

Remus deixa-te de bruxedos ehehe :)

Uma foto espectacular juntamente com um bom texto.

Bjs

Existe um Olhar disse...

Deste asas à imaginação nas palavras e na foto.

Beijinhos
Manu

Rute disse...

Remus

...é uma festa de encantamento, porque só tem meninas bonitas...mas nada de bruxarias... credo, cruzes, canhoto, abrenuncio...;)

* Obrigada:))

1 beijinho

Rute disse...

Fábio

O Remus tem uma imaginação muito fértil...devia dedicar-se a escrever histórias de mistério, policiais e afins...;)

Não é ritual nenhum, foi só uma festa de Natal da Escola...heheheheh

1 beijo:)

Rute disse...

mfc

muito obrigada...sabe bem saber que gostaste...:)

1 beijo

Rute disse...

Sandra

Obrigada pela tua visita e pelas tuas palavras encorajadoras. Volta sempre

1 beijinho:)

Rute disse...

Manu

...à imaginação e aos desejos do coração.

1 beijinho;)

João Farinha disse...

Excelente a sensação de movimento transmitida pela foto.

L.Reis disse...

...eu cá para mim, aquela pequena já tem asas a nascer(o efeito do movimento ficou 5 estrelas!)...agora é só preciso que o céu tenha espaço bastante...
Um beijo assim...esvoaçante.

Rute disse...

Lina

...acredito que o céu tem espaço para todos os pássaros que nele desejarem voar...é tão bom quando nos nascem asas, assim, como as da 'pequena'...

1 beijinho:)

Liza Leal disse...

Olá Rute!
Gosto desse traço na escrita, marcado de sensibilidade.

bj
.
LiZ4

Marco C. disse...

adorei esta foto! fugir às regras resulta mto bem às vezes. Uma foto desfocada, cheia de movimento e que parece um qualquer tipo de festa menos festa de natal escolar :p Muito Boa!

Mikhael disse...

Só precisamos de uma massa de ar quente debaixo do dorso, para que o voo se concretize à medida da própria vontade.






Palavra de corvo.