terça-feira, 21 de abril de 2015

Filomena



A Filomena foi minha colega numa Formação que o CEFP me 'obrigou' a fazer. Como ia contrariada os primeiros dias foram difíceis, mas depois como é meu costume, comecei a interessar-me pelas pessoas que ali estavam comigo. Foi incrível a quantidade de coisas novas que aprendi, não propriamente em termos académicos, mas sim humanos. Era um grupo muito heterogéneo, em todos os aspectos, mas conseguimos entender a 'linguagem' uns dos outros através da camaradagem e da amizade que acabou por nos unir.Não há dúvida que as relações que as pessoas conseguem criar umas com as outras são enriquecedoras e é por isso que eu digo que quem tem amizade e amor para dar e receber, jamais se sentirá pobre.

* Aqui a Filomena era um docinho...;)


7 comentários :

João Menéres disse...

Mas que simpatia irradia a FILOMENA !
Óptimo retrato, Rute.
Parabéns.

Um beijo.

Remus disse...

E assim, num instante, ficamos a saber que a Rute em vez de ir para a formação estudar e aprender coisas novas, foi para a formação tirar fotografias às amigas.
É por isso e por outras, que o sistema de ensino está como está...
:-D :-D

Belo retrato da Filomena. Com um sorriso muito cândido e algo envergonhado.

Rui - Olhar d'Ouro disse...

Sejamos então sempre ricos!
Muito bem Rute!
Bjs :))))

cottidianus disse...

excelente retrato, muito bem aproveitada a luz!
e aprender é a toda a hora... até a dormir!

Manu disse...

Um olhar doce que transmite tranquilidade.
Excelente retrato.
E é em momentos de convívio que aprendemos a conhecer as pessoas, a compartilhar saberes e a fazer novas amizades que nos enriquecem.

Beijinhos Rute

Questiuncas disse...

Com exemplos destes, a confissão de que estava desatenta nas aulas, como poderei eu resmungar com a Menina R quando ela está desatenta?

Ana Freire disse...

Ganda foto, Rute!...
Transborda simpatia e doçura, mesmo...
Sente-se a léguas...
Aparenta ser uma excelente pessoa...
Beijinhos
Ana