sexta-feira, 3 de abril de 2015

Abandono...



Era a casa mais bonita da rua, ficava lá bem no cimo, antes de se virar à esquerda, para Belas. Era o orgulho de quem lá vivia. Os donos, em chegando a idade, foram para a Terra e a cal das paredes começou a cair e a deixar aparecer o cimento aqui e ali. Os filhos não quiseram "enterrar" ali as suas poupanças, pois sabia-se lá, ao fim e ao cabo, para quem ficaria o imóvel e depois os pais ainda estavam bem vivinhos da silva...nã, deixa andar que em morrendo os velhotes, depois logo se verá...

4 comentários :

cottidianus disse...

é sempre estranho ver uma casa abandonada... uma local onde já viveram pessoas, momentos íntimos felizes, outros menos felizes... e com o abandono essas histórias perdem-se!
excelentes cores, gosto do detalhe das latas de tinta com flores. boa imagem.

Manu disse...

Uma tristeza ver assim uma casa, em que já houve vida, apesar disso também gosto de as fotografar, dão sempre óptimas fotos como esta.

Beijinhos Rute

Remus disse...

E assim a vida muda. E assim a vida se transforma.
Faço minhas as palavras do Cottidianus e da Manu.

Carmem Grinheiro disse...

Olá, Rute.
A mesma história tantas vezes repetida.
;)
bj amg