sábado, 16 de fevereiro de 2013

The End


End of the line

17 comentários :

Questiuncas disse...

A Rute não faça isto outra vez. Não sei se o meu coração aguenta um impacto destes.
Na barra lateral do meu blog, vejo lá "Efémera - The End" a primeira ideia que me veio à cabeça foi A Rute vai acabar com o blog??!!!
Não me faça mais isto, o meu coração não está preparado para estes choques.
Já sabe da próxima arranje outro título.
O meu pobre coração agradece.

IRIS disse...

para que é que servem os fins? só para dar lugar aos inícios. mas isto seria se os fins existissem e a cada tempo que avança mais se me evidencia que tal coisa não existe. na realidade, os fins são coisas que inventamos para nos segurarmos quando parece que perdemos o pé. mas tu sabes que é nesse entre-tanto que tudo existe e tu também sabes que isso é o que flui e o que flui é o que vive. esta é a nossa única fatalidade e está, é, tão bem feito assim :-)
dip to emerge, dear Rute :-)

http://www.youtube.com/watch?v=84i7zQ_ACnU

grande beijinho

Remus disse...

Ó amigo Questiuncas, acha que é possível a Rute acabar com o blogue?
Se isso acontecesse, era garantido que a Burraca (onde ela vive mas que ela não quer assumir) seria invadida por uma excursão com pessoas vindas das terras do norte do país. Seria algo tão grande, que meteria inveja às manifestações organizadas pelos sindicatos e partidos de esquerda deste pais. Muito provavelmente, seria o início de uma guerra civil em Portugal. E até quiçá de uma guerra Mundial, porque acredito que muitos brasileiros viriam, nem que fosse a nado, em protesto pelo fecho do blogue.
A Rute pode considerar isto como aviso... Se mesmo assim quiser arriscar...
:-P

IRIS disse...

avante Remus!!!

S disse...

Estou com todos os comentários feitos até agora e não arredo pé... mas isto agora anda tudo a fechar a casa? mas é algum vírus?? mau...

Clarice disse...

Tás parvinha, não tás?:) continuas, queria eu dizer:)
Anda lá comer umas torradinhas e beber um chá de cidreira, noite dentro, naquelas chávenas, chez moi... que isso passa-te, ó pá:)

beijo e mais beijo

Rute disse...

MEUS AMIGOS

Há momentos em que temos que parar com alguns projectos nas nossas vidas para que possamos concretizar outros. Pois é exactamente o que se está a passar comigo neste momento. No entanto prometo que visitarei os vossos cantinhos assiduamente (já não passo sem vocês...) e deixar umas palavrinhas sempre que me for possível.

Obrigada a todos pela amizade e pelo carinho:))

Muito beijos e abraços

Lacorrilha disse...

Mau maria, mas o que vem a ser isto? Então não há nem 10 minutos que sejam para vir aqui deixar uma fotografia linda e umas palavras ainda melhores? Até estava para publicar uma fotografia da minha velhota no meu face pessoal só para tu a conheceres, mas assim ficas de castigo.
Beijinhos e volta, ai de ti.

questiuncas disse...

Remus, queres que eu trate de arranjar os autocarros para a manifestação?
Também posso falar com alguém da estiva de Leixões, se for preciso alguma dinâmica musculada.
Um amigo meu, trabalha na CP, se for preciso alugar algum comboio, trato disso.
O meu pai esteve no Ultramar, posso perguntar-lhe se conhece o Otelo Saraiva de Carvalho, ele de certeza que nos arranjava uns camaradas para irmos marchar sobre a Burraca.
Isto são ideias que me surgiram de repente, com mais calma, de certeza que arranjo outros contactos, se calhar mais influentes, e vamos todos para a Burraca.

Manu disse...

Estive a ler todos os comentários, para me certificar que o título era só o final de algum espectáculo que tinhas ido a ssistir, mas pela tua resposta final, vi que realmente vais terminar com este teu blog que nos tem dado momentos de grande satisfação.
Tenho pena, muita pena Rute, eu e todos, mas há alturas na vida em que se têm de fazer escolhas, mas que vou ter saudades tuas, disso não duvido.

Beijo enorme Rute

João Menéres disse...

Então, RUTE, atiraste com a albarda ao ar mesmo ?
E há causas mais nobres que o ter de aturar os amigos blogueiros ?
E se nos pomos todos para aqui a fechar portas ?...
Não encerres !
Vem um diapor semana, que seja.
Mas não corras o pano, por favor !


Um beijo.

ZEKARLOS disse...

Eu tb espero que não seja um "para sempre". Arranjamos sempre forma de fazer, nem que seja menos vezes, aquilo que nos dá prazer. Eu sempre estarei deste lado. Força e um bj.

Pearl disse...

Rute, descansas depois voltas. Um blogue ajuda a contar a história da tua vida.


:)

M disse...

Sou uma visitante que muito raramente deixa um comentário...nem tenho blog...
Mas visito "Efémera" com muita frequência. Encanta-me tudo o que escreve, a autenticidade e a forma suave como o diz. E a beleza das fotos...
Até parece que já conheço todo o amor que une a sua Família, todos aqueles sobrinhos, a ternura das suas filhas, o ai Jesus da família, enfim!...
Um blog como o seu faria muita falta, nos tempos que correm, se não existisse...
Valores intemporais, delicadeza no dizer, transparência...seria tão bom continuar a partilhar o que gosta, quando lhe apetecesse...

Um beijo

M

Remus disse...

Questiuncas, está visto que temos de ir em frente.
Por mim, a viagem pode ser feita por autocarro, por carro, por comboio, por navio... de bicicleta ou a pé é que não, porque acho que nesses meios só consigo chegar quanto muito a Coimbra.
O Questiuncas trata da logística de transporte que eu trato dos tacos de basebol, das vassouras e de outros materiais de arremesso, porque acho que vão ser necessários para chegar a roupa ao pêlo a alguns. Também posso tratar de providenciar os comes e bebes: Sandes de presunto e de salpicão para todos.
:-)

Oh Rute! Mas afinal o que vem a ser isto?
Uma pessoa mostra-se e dá-se a conhecer e depois é abandonada assim... sem mais nem menos?

A Rute está com alguma doença grave?
A Rute está novamente grávida?
A Rute já não gosta de tirar fotografias ou de escrever?

Só tem autorização e permissão para acabar com o blogue, se responder Sim a alguma das perguntas de cima. Caso contrário, exijo que continue a publicar uma fotografia por semana. Ou, quanto muito, se for uma fase de mesmo muito trabalho, de duas em duas semanas.
Mesmo que não publique uma fotografia por não ter tempo para tirar nenhuma, sempre pode escrever os seus textos e usar as fotografias de outros.
Está combinado?
E não existe mas, nem menos mas! Ou será que vou ter que me chatear a sério?
Hum?

the dear Zé disse...

o fim do quê? do belogue? hum...
olha, eu também já andei por aí, já parei, uma vez voluntariamente (mesmo agora a coisa anda com pouco alento...), outra sem voluntariado nenhum, e, não dá, isto já não é nosso, já nos ultrapassou e como tal só podemos continuar a alimentar o bicho, a bloguite como alguém lhe chamou.
todos os dias ou devagarinho tanto faz, não há regras para isso, um osso de vez em quando, só não pode morrer à fome...

(e que tal mais um jantarinho que é para coiso e isso?)

e um bêjo bué da grande

Rute disse...

MEUS AMIGOS

Estive muito tempo sem vos responder, mas não foi por desconsideração, simplesmente faltaram-me as palavras para agradecer as vossas demonstrações de amizade, de ternura e de solidariedade.

Apesar da falta de condições para continuar neste momento, prometo que não fecho as portas definitivamente e quando conseguir vou publicando uma ou outra fotografia.

Muitos beijinhos e abraços para todos.

Marina

Me perdoa o lapso, que já foi remediado. 1 beijinho especial para ti