quinta-feira, 23 de agosto de 2012

Nala





Esta é a minha cadela Nala que já vai a caminho dos nove meses, quando veio viver connosco tinha apenas um  mês e meio e foi logo uma enorme paixão por parte da família toda. No primeiro mês que cá esteve era tão pequenina que, à vez, as minhas filhas mais velhas dormiam no sofá da sala para ela não uivar durante a noite, assim quando acordava, tal como os bebés, sentia uma mão a sossega-la e voltava para a sua caminha sem protestar...eu própria dormi no sofá duas ou três noites, quando nenhuma das miúdas cá estava... cheguei a pensar que as noites mal dormidas tinham voltado...
Quando ficou um bocadinho mais crescida passou a dormir no terraço e hoje em dia dorme no corredor e, sempre que encontra uma porta mal fechada, vai deitar-se ao fundo camas das donas...já a "apanhei" no quarto de cada uma delas, o que quer dizer que distribui o seu enorme afecto pelas três...o amor é assim, não precisa de grande alarido e vai-se consolidando e fortalecendo com o passar do tempo e com as manifestações diárias de afecto e carinho. 
O amor estica e tem uma enorme capacidade de se expandir, de se multiplicar...e os animais que não fiquem de fora porque são eles que muitas vezes nos dão as maiores lições nesta matéria.

10 comentários :

Sweet disse...

Sem dúvida que é deles que recebemos as maiores manifestações de carinho. :)
A Nala é linda e tem muita sorte! :)... mas como sempre, tudo é recíproco.

Diana Tavares Fotografia disse...

tão fofinha:)

Rute disse...

Sweet

Muito prazer em ter-te por aqui))

Concordo contigo, os afectos sem reciprocidade...hum...:)

* Obrigada pelas palavras

1 beijo:)

Rute disse...

Diana

É verdade...mas eu sou suspeita...;)

1 beijinho

mfc disse...

Tem exactamente os hábitos que tinha a minha Micas!!
Que olhar mais terno.

Beijinhos, Rute.

Remus disse...

Moral da história: Tendo ela quase 9 meses e como segundo dizem, um ano canino corresponde a 7 anos humanos, ela em Setembro já vai para a escolinha aprender as letras e os números. E daqui a pouco também já estará a escrever textos e poemas.
:-P

Ela está gira. Muito castiça.

Existe um Olhar disse...

Quem pode ficar indiferente a este olhar?
Uma ternura estampada nuns olhos de mel.

Beijinhos Rute

sónia silva disse...

Já sabes o enorme amor que eu lhes tenho. Parabéns pela nova filhota que é linda!

Marina Linhares disse...

Rute, sei muito bem o que é isso...
A minha Joy vai completar 3 anos... teve que retirar um rim com 2 anos de idade e eu dormia na sala (em um colchão no chão)porque ela não podia pular para o sofá. Foram duas semanas assim... repletos de cuidados, carinho e atenção.
"Tudo vale a pena quando a alma não é pequena".
Gamei na primeira foto. Que olhos e olhar.
Bj.

IRIS disse...

se dúvidas houvesse sobre isso do amor, olhava-se no fundo desses olhos ;-)

mais um beijo