domingo, 14 de julho de 2013

Noite cerrada



Chega-me a noite que devagarinho vai cerrando os tons da Terra 

É noite de Estio e na escuridão vislumbro flores trepando muros como hera...


6 comentários :

Lacorrilha disse...

Amei a fotografia.

Marco C. disse...

remete-nos ao mistério a imagem...

Cla Leal disse...

Rute, que felicidade te visitar, que saudade eu estava de você e de suas palavras!! Estou "ensaiando" o meu retorno... beijo carinhoso

Remus disse...

Juro que olhei para a fotografia e até pensei que seriam brasas de uma lareira. Já estava todo preparado para dizer que acender uma lareira nesta altura do ano é coisa de doidos...
:-)

Mas afinal a Rute foi mais além, e andou a brincar com longas exposições e riscos de luzes.
Muito bem!

Para andar assim "perdida" no meio da noite, espero que não tenha encontrado nenhum animal selvagem à solta.
:-)

ZEKARLOS disse...

Grande foto, gostei mesmo. Bjs

L.Reis disse...

Qué ito ???
Para além dos riscos de luz vislumbro uma espiral...ou será que é a Rute que até já me põe a ver coisas que não existem?? Capaz disso era ela...
Mas que está um espetáculo, lá isso está!!! :)